Connect with us

Oi, o que você está procurando?

Brasil

Três pessoas foram presas acusadas de matar Irmão de apresentador com requintes de perversidades em Guajará-Mirim

gentes do Serviço de Investigação Vigilância e Capturas-SEVIC da Policia Civil começaram a investigar o homicídio de Marivaldo Brasil Correia de 50 anos, que foi encontrado morto na manhã desta terça-feira (19), na Avenida Tiradentes esquina com Antônio Luis de Macedo, no bairro Santo Antônio.

De acordo com a Polícia o corpo estava parcialmente enterrado com algumas telhas em cima, que ocultavam o cadáver, que estava em meio à lama e com marcas de violência pelo corpo.

Durante as investigações, os policiais receberam informações que as pessoas conhecidas por Francisca da Silva Jaques de 34 anos conhecida por “CHICA”, Fabiano Ferreira de Lisboa de 34 anos conhecido por “BUZINA” e Jorge Medina Dourado de 43 anos, haviam sido vistos sujos de lama, e inclusive um deles portava um terçado saindo das proximidades onde Marivaldo havia sido encontrado sem vida.

Com essas informações, os policiais saíram em busca dos suspeitos, e o primeiro a ser localizado foi Fabiano, que foi preso na Avenida José Bonifácio no bairro Santa Luzia na sede da antiga Ceron.

Durante as investigações Fabiano confessou ter participado do homicídio de Marivaldo, mas disse não ter cometido o crime sozinho. Ele teria contado com a participação de Francisca e Jorge.

A mulher foi detida na Avenida Mascarenhas de Moraes esquina com Rua 07 no mesmo bairro, o último a ser preso foi Jorge Medina, que foi encontrado e preso na Avenida Mascarenhas de Moraes com José Cardoso Alves também no Santa Luzia.

Em depoimento a Polícia os 3 (três) suspeitos acabaram confessando o crime de homicídio e a ocultação de cadáver de Marivaldo.

De acordo com a mulher Fabiano Ferreira o “BUZINA” foi quem golpeou primeiro Marivaldo com um pedaço de madeira, ele teria caído desacordado, em seguida Francisca, na companhia dos outros dois elementos levaram Marivaldo até o córrego onde empurraram o mesmo na lama e os asfixiaram pisando em seu pescoço, até a morte, os três ainda relataram que Marivaldo se debateu bastante antes de morrer.

De acordo com a ocorrência, enquanto Jorge segurava as pernas, Fabiano segurava as mãos, e a mulher pulava em cima de Marivaldo para que ele afundasse na lama, sendo que em seguida todos os envolvidos pularam sobre o corpo da vítima para asfixiá-lo e ocultar o corpo.

Publicidade. Continue lendo sua matéria ao descer mais a página

Já na vala, CHICA golpeou por mais uma vez Marivaldo, desta vez usando um terçado, sem dó nem piedade para ter certeza da morte do mesmo.

O corpo de Marivaldo está em Porto Velho, onde deve passar por exames de necropsia, que deve determinar mais detalhes da morte de Marivaldo.

O site Agora Guajará, parabeniza o Serviço de Investigação Vigilância e Capturas-SEVIC da Policia Civil, pela rapidez que solucionou o caso, o que mostra a competência da equipe que buscou informações e chegou aos autores deste bárbaro homicídio.

Fonte: Agora Guajará

Faça um comentário

Notícias relacionadas

Destaques

O Brasil bateu mais uma triste marca na pandemia nesta terça-feira (23), registrando mais de 3 mil mortes por Covid em um dia pela primeira...

Rondônia

Um vídeo que mostra os últimos minutos de vida de uma mulher que foi morta pelo tribunal do crime. A jovem identificada como Adriana...

Capital

A Caixa Econômica Federal depositará o dinheiro na conta corrente informada pelo trabalhador ou na conta poupança digital, usada para pagar o auxílio emergencial,...

Destaques

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Rondônia informa os horários de restrição de circulação de veículos em razão dos feriados de Natal e de...

Publicidade
× Quero anunciar!