Connect with us

Oi, o que você está procurando?

Esportes

Video – Nicolie Kauane, karateca mediciense medalha de ouro no Brasileiro e medalha de prata no campeonato mundial de karatê, participou recentemente nos Jogos Escolares Brasileiro, o JEBS

Nicolie Kauane é natural de Presidente Médici e passou a gostar do Karatê vendo seu irmão treinar, Nicolie já esta classificada para participar do Panamericano de Karatê em 2022.

Nicolie Kauane, karateca mediciense medalha de ouro no Brasileiro e medalha de prata no campeonato mundial de karatê

Nicolie Kauane, karateca mediciense medalha de ouro no Brasileiro e medalha de prata no campeonato mundial de karatê

A atleta mediciense Nicolie Kauane, 14 anos, campeã brasileira e vice-campeã mundial de Karatê em 2019, participou recentemente dos Jogos Escolares Brasileiros, realizado no Parque Olímpico, no Rio de Janeiro (RJ), representando a Escola Estadual Presidente Médici e ficou em 7º Lugar.

Nicolie Kauane é natural de Presidente Médici e passou a gostar do Karatê vendo seu irmão treinar, Nicolie já esta classificada para participar do Panamericano de Karatê em 2022.

Segundo informações de Claudio Dias, pai de Nicole Kauane, para participar desses evento Nicolie recebeu ajuda dos Sanseis, Agnaldo da Academia Stillus de Ji-Paraná e Rodrigo, que é da Academia Rikokai, e de vários empresários de Presidente Médici, se não fosse com esses apoios, ou muitas vezes com recursos próprios, seria difícil participar dessas competições.

Lembrando que há uma lei, a Lei nº 11.438/06, ou Lei de Incentivo ao Esporte – LIE, como é mais conhecida, essa lei permite que recursos provenientes de renúncia fiscal sejam aplicados em projetos das diversas manifestações desportivas e paradesportivas distribuídos por todo o território nacional.

Por meio de doações e patrocínios, os projetos executados via Lei de Incentivo ao Esporte atendem crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos, além de garantir o suporte necessário para que aos atletas de alto rendimento possam participar e representar o Brasil em competições nacionais e internacionais.

Só que, infelizmente quem busca esses recursos se depara com muitas burocracias, o que faz o atleta desistir e buscar outros meios para participar das competições, tendo muitas vezes que arcar com todas as despesas.

Esperamos que nossas autoridades tomem providências para facilitar ao atleta o acesso a esses recursos, afinal o esporte é sinônimo de saúde, além de saúde, é preciso destacar a importância entre esporte e qualidade de vida.

Resumindo, vamos incentivar e patrocinar nossos jovens atletas, eles levam o nome do município, do estado e do país, muitas vezes sem terem o verdadeiro reconhecimento.

Publicidade. Continue lendo sua matéria ao descer mais a página

 

Por José Roberto/Rádio Rondônia

Faça um comentário

Notícias relacionadas

Destaques

O Brasil bateu mais uma triste marca na pandemia nesta terça-feira (23), registrando mais de 3 mil mortes por Covid em um dia pela primeira...

Rondônia

Um vídeo que mostra os últimos minutos de vida de uma mulher que foi morta pelo tribunal do crime. A jovem identificada como Adriana...

Capital

A Caixa Econômica Federal depositará o dinheiro na conta corrente informada pelo trabalhador ou na conta poupança digital, usada para pagar o auxílio emergencial,...

Destaques

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Rondônia informa os horários de restrição de circulação de veículos em razão dos feriados de Natal e de...

Publicidade
× Quero anunciar!