Connect with us

Oi, o que você está procurando?

Brasil

Defesa civil de Rolim de Moura faz mapeamento das áreas de risco próximo ao Rio Anta

A defesa civil de Rolim de Moura (RO) realiza durante esta semana um levantamento das residências as margens do Rio da Anta Atirada no perímetro urbano do município.  Raissa Bretas coordenadora da defesa civil do município explicou que o mapeamento é feito nas áreas de riscos nas proximidades do rio com objetivo de minimizar e evitar desastres hídricos.

Na noite de segunda para terça-feira (08) desta semana uma intensa chuva atingiu o município e muitas residências foram totalmente tomadas pelo grande volume de água. O Corpo de Bombeiros informou que foram atendidas ocorrências em cinco pontos, com o total de 27 pessoas resgatadas, não houve nenhuma vítima fatal, apenas danos materiais. As vítimas foram resgatadas e levadas para um local seguro e seguiram para casa de amigos e parentes para se abrigarem. O trabalho contou participação da defesa civil do município que agora trabalha preventivamente, iniciando com a coleta de dados.

“Alguns moradores das casas que estamos visitando ainda tem resistência em passar as informações para os agentes voluntários da defesa civil. Nós compreendemos, pois é um trabalho que está iniciando agora. Este mapeamento será usado pela defesa civil do município com ações preventivas de controle que visam a minimização de desastres, conforme orientação do prefeito Aldo Júlio” disse Bretas.

Ela informou que está sendo realizado levantamento em toda a extensão do Rio Anta se trabalhando com o parâmetro de 100 metros de distância do rio. Serão visitadas casa por casa e esse levantamento servirá para que a defesa civil tenha no seu banco de dados a quantidade de pessoas que residem em torno do rio. O total de idosos, gestantes e crianças moram nas áreas afetados. Os questionários tem coordenadas geográficas, endereço, nome da pessoas e número de telefones das pessoas que moram nessas.

O objetivo da defesa civil municipal é mapear todas as famílias que moram a margem de rios, igarapés e galerias abertas em toda a cidade. A ação faz parte do planejamento preventivo e se precisam das informações de quem precisará de socorro imediato em eventual desastre.

Faça um comentário

Notícias relacionadas

Destaques

O Brasil bateu mais uma triste marca na pandemia nesta terça-feira (23), registrando mais de 3 mil mortes por Covid em um dia pela primeira...

Rondônia

Um vídeo que mostra os últimos minutos de vida de uma mulher que foi morta pelo tribunal do crime. A jovem identificada como Adriana...

Capital

A Caixa Econômica Federal depositará o dinheiro na conta corrente informada pelo trabalhador ou na conta poupança digital, usada para pagar o auxílio emergencial,...

Destaques

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Rondônia informa os horários de restrição de circulação de veículos em razão dos feriados de Natal e de...

Publicidade
× Quero anunciar!