Connect with us

Oi, o que você está procurando?

Destaques

Rondônia registra 2,6 mil novos casos de Covid e 10 mortes

Profissional de saúde realiza teste rápido de Covid-19 — Foto: Rodrigo Garrido/Reuters

Rondônia registrou 2.663 novos casos de Covid-19 nesta segunda semana de janeiro de 2023. A quinta-feira (12) foi o dia com o maior número de registros, com 656 diagnósticos positivos da doença em um prazo de 24 horas.

Em relação a semana anterior, o número de novos casos conhecidos de coronavírus foi 2,46% maior.

Os dados de 8 a 14 de janeiro fazem parte dos boletins divulgados pela Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), Superintendência Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação (Setic) e Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

Segundo o a Agevisa, nesta segunda semana de janeiro também foram registradas 10 mortes em decorrência da Covid, duas a mais do que na primeira semana.

Fim da calamidade

 

No último dia 13 de janeiro, sexta-feira, o governo de Rondônia revogou o decreto que declarava “Estado de Calamidade Pública em Rondônia” por causa da Covid.

Esse decreto havia entrado em vigor em 2020, quando iniciou a pandemia devastadora em todo o mundo, e dava permissão para o estado adotar ações emergenciais de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, inclusive com a dispensa de licitação.

Pandemia no estado

 

Até o sábado (14), os números totais da pandemia no estado estavam assim:

Publicidade. Continue lendo sua matéria ao descer mais a página
  • Casos confirmados desde o início da pandemia: 477.118
  • Óbitos decorrentes da Covid: 7.415
  • Testes de detecção realizados na população: 1.409.660
  • Moradores com a 1ª dose de vacina contra a Covid: 1.324.990 (78%)
  • Moradores com a 2ª dose de vacina contra a Covid: 1.163.148
  • Moradores com a 3ª dose de reforço contra a Covid: 500.975
  • Moradores com a 4ª dose de reforço contra a Covid: 159.411

Em relação a vacinação infantil, 75.450 crianças receberam a 1ª dose, o que equivale a 39,64% do público alvo. Já meninas e meninos que tomaram a 2ª dose ou dose única somam 40.930.

Quanto a dose de reforço, 172 crianças foram imunizadas até o sábado em Rondônia e outras 59 receberam a 2ª dose de reforço.

Fim da calamidade

 

No último dia 13 de janeiro, sexta-feira, o governo de Rondônia revogou o decreto que declarava “Estado de Calamidade Pública em Rondônia” por causa da Covid.

Esse decreto havia entrado em vigor em 2020, quando iniciou a pandemia devastadora em todo o mundo, e dava permissão para o estado adotar ações emergenciais de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, inclusive com a dispensa de licitação.

Pandemia no estado

 

Até o sábado (14), os números totais da pandemia no estado estavam assim:

  • Casos confirmados desde o início da pandemia: 477.118
  • Óbitos decorrentes da Covid: 7.415
  • Testes de detecção realizados na população: 1.409.660
  • Moradores com a 1ª dose de vacina contra a Covid: 1.324.990 (78%)
  • Moradores com a 2ª dose de vacina contra a Covid: 1.163.148
  • Moradores com a 3ª dose de reforço contra a Covid: 500.975
  • Moradores com a 4ª dose de reforço contra a Covid: 159.411

Em relação a vacinação infantil, 75.450 crianças receberam a 1ª dose, o que equivale a 39,64% do público alvo. Já meninas e meninos que tomaram a 2ª dose ou dose única somam 40.930.

Quanto a dose de reforço, 172 crianças foram imunizadas até o sábado em Rondônia e outras 59 receberam a 2ª dose de reforço.

Fonte: G1

Faça um comentário
Publicidade. Continue lendo sua matéria ao descer mais a página

Notícias relacionadas

Rondônia

Um vídeo que mostra os últimos minutos de vida de uma mulher que foi morta pelo tribunal do crime. A jovem identificada como Adriana...

Destaques

O Brasil bateu mais uma triste marca na pandemia nesta terça-feira (23), registrando mais de 3 mil mortes por Covid em um dia pela primeira...

Destaques

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Rondônia informa os horários de restrição de circulação de veículos em razão dos feriados de Natal e de...

Capital

A Caixa Econômica Federal depositará o dinheiro na conta corrente informada pelo trabalhador ou na conta poupança digital, usada para pagar o auxílio emergencial,...

Publicidade
× Quero anunciar!