Connect with us

Hi, what are you looking for?

Economia

Rondônia atrai investimentos e empresas que vão gerar mais 5 mil empregos nos próximos anos

Secom

Superando os obstáculos impostos pela pandemia do novo coronavírus, que afetou gravemente a economia global, o Estado de Rondônia, embora ressentido de seus efeitos, vem reagindo com grandeza ao ambiente de crise, e já desponta entre os principais do País no combate e controle da Covid-19, e na geração de empregos, com incentivo à instalação de pelo menos 15 novas empresas no Estado que vão gerar cerca de 5.500 novos empregos nos próximos anos.

De acordo com Suéllen Lemos da Silva, coordenadora da Invest Rondônia, da Superintendência Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (Sedi), Rondônia está atendendo atualmente uma média mensal de 85 empresas, que manifestam interesse em se instalar no Estado, e procuram informações para seus negócios, de modo que a expectativa é de que, além das 15 empresas que já se decidiram e que planejam investimentos de mais de R$ 3,5 bilhões para os próximos anos, Rondônia está atraindo empresas de outros segmentos e passa a sedimentar sua economia com lastro em outras áreas, fora do eixo do setor produtivo rural, que nos últimos anos vem segurando e mantendo a economia do Estado e do Brasil.

Para a Invest Rondônia, que tem a missão de atrair investimentos e promover as exportações estaduais, o Estado está bem porque tem uma economia sólida, com oportunidades para todos e nas mais diversas áreas, e com um mercado aberto para o mundo, aspecto geográfico que é tido como logística fundamental para atrair investidores de visão privilegiada, que veem nos corredores – rodovias, obras dos portos e hidrovia do Rio Madeira – a oportunidade que precisam para firmarem seus negócios e ganharem o mundo.

Do agronegócio ao turismo sustentável, há uma profusão de iniciativas que começam pequenas e se agigantam rapidamente, pela própria exigência do mercado, fazendo pequenos tornarem-se grandes, a exemplo das agroindústrias, que são uma das marcas características da economia rondoniense. Elas foram instaladas, quase sempre com o incentivo oficial e se espalharam por todo Estado. Muitas com a produção totalmente voltada para exportação, como a indústria de calçados de borracha, as variações da utilização do pescado, e toda a produção agropecuária – carne e grãos, sem falar na produção de minérios, ouro, diamante, estanho e outros, a revelar a aptidão de Rondônia.

Secom

Fazer Comentário

You May Also Like

Destaques

  O município de Presidente Médici recebeu na manhã desta quarta-feira (20) as primeiras 360 doses da vacina CoronaVac, segundo o secretário de saúde...

Destaques

O Governo de Rondônia entregou na terça-feira (19) o primeiro lote de vacina contra a Covid-19, a CoronaVac, que vai imunizar 3.420 pessoas de...

TOP 10

Resumos são pequenas descrições opcionais do conteúdo do seu post feitas manualmente, que podem ser usadas em seu tema

Destaques

Durante a vigência do decreto nº 25.728, que estabelece hábitos de distanciamento social restritivo, o Programa de Defesa do Consumidor em Rondônia (Procon-RO) informa que está...

× Quero anunciar!