Connect with us

Oi, o que você está procurando?

Capital

Porto Velho completa 25 dias de estiagem; Sipam prevê chuvas para a 2ª quinzena de setembro

Segundo o meteorologista Marcelo Gama, o estado passa pelo período conhecido como “verão amazônico”, onde os termômetros registram o aumento da temperatura e o clima fica mais seco

Sol forte — Foto: Paulo Vítor

Sem registrar chuvas desde 18 de julho, Porto Velho completa 25 dias de estiagem nesta quinta-feira (12). De acordo com o Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam), a previsão é de que a partir da 2ª quinzena de setembro, as chuvas voltem a acontecer com mais regularidade em todo o estado.

Verão amazônico

Segundo o meteorologista Marcelo Gama, o estado passa pelo período conhecido como “verão amazônico”, onde os termômetros registram o aumento da temperatura e o clima fica mais seco.

“Rondônia está passando pelo período do verão amazônico, que em média ocorre entre junho e agosto. Neste período do ano as precipitações são bastante reduzidas e geralmente ocorre de forma pontual”, explicou.

O Sipam aponta que, em média, algumas regiões de Rondônia estão há mais de 30 dias sem chuvas.

“Oh chuva, eu peço que caia devagar..”

Conforme a previsão do tempo divulgada pelo Sipam, existe a possiblidade de chuva rápida e isolada na Capital e na região do Vale do Jamari entre a parte da tarde ou noite de sábado (14) e só a partir da 2ª quinzena de setembro, o rondoniense vai usufruir de um clima mais ameno, já que existe possibilidade de chuvas com maior regularidade, mesmo sendo o mês de transição entre as estações de seca e chuvosa.

De acordo com os meteorologistas dos três centros regionais do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam), “as chuvas para agosto, setembro e outubro devem ficar dentro da normalidade”.

Seca histórica

Previsão do tempo em Rondônia; rio Madeira em Porto Velho; ponte rio Madeira; cidade de Porto Velho — Foto: Jônatas Boni/G1

Na primeira semana de agosto, o Serviço Geológico do Brasil (CPRM) divulgou que a seca do rio Madeira em 2021 pode ser uma das piores, caso ocorra um atraso no início da estação chuvosa além de outubro.

A expectativa era que o nível do rio ficasse abaixo de 4 metros só no fim de agosto. Até outubro, devido ao período de estiagem, o nível do rio deve atingir os 2,58 metros.

Publicidade. Continue lendo sua matéria ao descer mais a página

Fonte: G1 RO

Faça um comentário

Notícias relacionadas

Destaques

O Brasil bateu mais uma triste marca na pandemia nesta terça-feira (23), registrando mais de 3 mil mortes por Covid em um dia pela primeira...

Capital

A Caixa Econômica Federal depositará o dinheiro na conta corrente informada pelo trabalhador ou na conta poupança digital, usada para pagar o auxílio emergencial,...

Brasil

A Associação Médica Brasileira (AMB) divulgou um boletim nesta terça-feira (23) na qual condena, entre outros pontos, o uso de remédios sem eficácia contra...

Mundo

O Canal de Suez, no Egito, é uma das principais travessias marítimas do mundo para o transporte de mercadorias e matérias-primas. Desde terça-feira, a passagem...

Publicidade
× Quero anunciar!