Connect with us

Oi, o que você está procurando?

Amazônia

Pacientes morrem asfixiados por falta de oxigênio em hospitais de Manaus

O aumento de casos e internações por covid-19 em Manaus provocou o fim do estoque de oxigênio em diferentes hospitais da capital do Amazonas. Sem o recurso, pacientes internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) morreram por falta de ar durante a noite de 5ª feira (14.jan). Equipes de saúde também precisaram fazer ventilação manual de internados.

O Sindicato dos Médicos do Amazonas divulgou ter recebido uma série de denúncias sobre a falta de oxigênio em hospitais. O presidente do grupo, Mário Vianna, afirmou que se trata de uma “situação terrível que temíamos e denunciamos”, e que os pacientes “estão sendo mantidos vivos pelo esforço dos profissionais médicos, enfermeiros e técnicos”. Confira a seguir um vídeo com o apelo do médico para o envio de oxigênio ao estado:

Uma denúncia anônima enviada ao sindicato por outro médico afirma que no Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV/Ebserh), ao menos 19 pessoas morreram pela falta do recurso. Nas redes sociais, relatos da própria população foram amplamente divulgados. Em vídeo, a psicóloga Thalita Rocha compartilha que o estado está em uma situação deplorável.  “Simplesmente acabou o oxigênio de toda uma unidade de saúde. Não tem oxigênio, é muita gente morrendo”, afirmou.

O que dizem o governo e hospital citado

Em nota da tarde desta 5ª feira, a assessoria do HUGV/Ebserh divulgou que o hospital recebeu oxigênio para estabilizar temporariamente a situação de todos os pacientes, e que continua no processo para “normalizar a situação em definitivo”. O local ainda disse que havia solicitado mais oxigênio para a empresa que costuma fornecer o recurso e para outros locais, mas “não recebeu o suficiente para atender a demanda”.

O Governo do Amazonas divulgou que a falta do recurso se deu pelos grandes números de internações no estado. Como medida de contenção, solicitou que os pacientes sejam atendidos em outras Unidades da Federação. Há expectativa de que sejam transferidos 235 pacientes.

Também por nota, o governo afirmou que tem buscado oxigênio e que “empreendeu todos os esforços para adquirir o item, tendo ido buscá-lo, inclusive, fora do Estado”. Também disse que conta que segue atuando junto ao Governo Federal e à Prefeitura de Manaus para solucionar o problema. Mais cedo, o vice-presidente, Hamilton Mourão, divulgou que a Força Aérea Brasileira enviou recursos, incluindo cilindros de oxigênio, ao estado.

Fonte: SBT NEWS

Faça um comentário

Notícias relacionadas

Capital

A Caixa Econômica Federal depositará o dinheiro na conta corrente informada pelo trabalhador ou na conta poupança digital, usada para pagar o auxílio emergencial,...

Destaques

O Brasil bateu mais uma triste marca na pandemia nesta terça-feira (23), registrando mais de 3 mil mortes por Covid em um dia pela primeira...

Mundo

O Canal de Suez, no Egito, é uma das principais travessias marítimas do mundo para o transporte de mercadorias e matérias-primas. Desde terça-feira, a passagem...

Brasil

A Associação Médica Brasileira (AMB) divulgou um boletim nesta terça-feira (23) na qual condena, entre outros pontos, o uso de remédios sem eficácia contra...

Publicidade
× Quero anunciar!