Connect with us

Hi, what are you looking for?

Educação

Mediação Tecnológica oferece ensino de matemática aplicada ao campo para alunos da rede estadual

Secom

Em passos largos, Rondônia avança mais uma vez e traz inovação no âmbito da educação. O Governo, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), apresenta proposta de novas aulas de Mediação Tecnológica sobre o ensino de matemática aplicada ao campo “A Etnomatemática”. A abordagem histórico-cultural exerce um elo com o padrão educacional e a cultura de um povo e se relaciona com cotidiano dos alunos, abordando temas do agronegócio, como produção agrícola, pecuária e extrativista.

Implantado desde 2016, as aulas são transmitidas pelo canal do Youtube “Mediação Tecnológica em Rondônia” . O propósito das programa é proporcionar aos estudantes da área rural, quilombolas, indígenas e ribeirinhos a se nutrirem dos saberes de porcentagem, geometria, estatísticas, entre outros, e inserir este conhecimento adquirido na sua rotina.

Atualmente, seis mil alunos são contemplados com o projeto, mas em tempos de pandemia, o programa ganhou destaque e se estendeu a todos alunos da rede estadual (do 6º ano do ensino fundamental ao 3º ano do ensino médio).  Filmadas no Centro de Mídia, o projeto conta com três estúdios de televisão, que funcionam diariamente, e antena de televisão em 318 salas de aula em todo o Estado de Rondônia. As aulas são transmitidas em tempo real, via satélite ou, quando não, postada no canal.

De acordo a Seduc, a mediação tecnológica atende todos os componentes do currículo básico, incluindo disciplinas comuns e flexíveis. Os professores envolvidos no projeto são habilitados – mestre, doutores e pós-doutores na área de conhecimento–, como também atuam como tutores, acompanhando o desenvolvimento dos alunos.

Para a gerente do Centro de Mídias de Educação, Daniele Brasil, o intuito do projeto é fomentar a consolidação e a expansão do ensino, a fim de combater as desigualdades educacionais, proporcionando uma educação de qualidade a todos os alunos da rede estadual. A gerente ainda afirma que a integração multidisciplinar é muito importante para aproximar o estudante à disciplina de matemática, visto que, reiteradamente, é apontado como empecilho para o êxito no estudo.

“Rondônia tem um forte potencial para agronegócio e possui um papel fundamental na sua relação com meio ambiente. Por esse motivo, relacionar a matemática ao ambiente diário, facilita e influencia o gosto do aluno pelo aprendizado”, pontua Daniele.

CANAL YOUTUBE

O Programa de Mediação Tecnológica é um projeto que utiliza a intervenção tecnológica para atender estudantes que residem em regiões distantes do Estado.

De iniciativa do Governo de Rondônia, por meio da Seduc, o canal do Youtube conta com 43,9 mil inscritos e participação massiva dos alunos da rede estadual. Dentre as aulas disponíveis no canal, estão arte, educação física, matemática, sociologia, história, ciências, geografia, português, entre outros, bem como noções de agroecologia e zootecnia.

Os professores promovem aulas didáticas ao vivo e também deixam aulas disponíveis para poder acessá-las em outros dias. Para o Governo, a ideia do projeto é viabilizar igualdade educacional aos estudantes e proporcionar educação de qualidade a todos.

Secom

Fazer Comentário

You May Also Like

TOP 10

Resumos são pequenas descrições opcionais do conteúdo do seu post feitas manualmente, que podem ser usadas em seu tema

Destaques

  O município de Presidente Médici recebeu na manhã desta quarta-feira (20) as primeiras 360 doses da vacina CoronaVac, segundo o secretário de saúde...

Brasil

A norma determina que os locais em que houver fiscalização de excesso de velocidade por meio de medidores do tipo fixo sejam precedidos de...

Destaques

O Governo de Rondônia entregou na terça-feira (19) o primeiro lote de vacina contra a Covid-19, a CoronaVac, que vai imunizar 3.420 pessoas de...

× Quero anunciar!