Connect with us

Oi, o que você está procurando?

Capital

Idosos falam da expectativa e gratidão pela vacina contra a Covid-19

Para quem já viu e presenciou muita coisa na vida, a pandemia da Covid-19 é um dos fatos mais marcantes da história. Na manhã de terça-feira (23), um novo capítulo foi escrito na biografia de quem tem mais de sete décadas de vida.

Ex-prefeito Sebastião Assef tomou a primeira dose da CoronavacNo preenchimento da ficha de vacinação contra a Covid-19, encontramos um desses exemplos. Sebastião Assef Valadares, de 75 anos, foi prefeito de Porto Velho na década de 1980 e estava nesta terça-feira, na fila para receber a primeira dose.

“Vim do Acre, na década de 1960, para passar 15 dias. Tive a honra de ser prefeito de Porto Velho e anos depois estou aqui fazendo parte desse momento histórico”, afirma o ex-prefeito.

Sebastião foi um entre os cerca de mil idosos que passaram pelo local de vacinação nesse primeiro dia. Segundo a gerente de imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), Elizeth Gomes, os números indicam que a procura na faixa etária acima dos 75 anos deverá ser grande.

“Planejamos aplicar 3.800 doses até sexta-feira (23). O pico de vacinação é hoje com 1.004 inscritos no agendamento prévio do sistema Imuniza”, explica a gerente.

EXPECTATIVAS

Hermes, 76 anos, faz planos após segunda doseA ansiedade predominou entre os idosos nesse primeiro dia. Hermes Santana, de 76 anos, não escondeu a expectativa para os próximos 28 dias, data de retorno para aplicação da segunda dose do imunizante Coronavac, desenvolvido em parceria com o Instituto Butantan.

Com seis filhos e treze netos, ele espera, num futuro próximo e com ajuda da vacina, pôr fim a muitas privações impostas pela pandemia.

“Acordei hoje às cinco horas para vir tomar a vacina. Depois de imunizado, com a segunda dose e já com anticorpos contra essa doença, espero voltar a bater uma partida de futebol, nem que seja de máscara”, brincou o idoso.

HORÁRIO

Mas não é necessário chegar tão cedo, assim como fez Santana. A gerente de imunização explica que os idosos não precisam se preocupar com o horário, uma vez que as doses já estão garantidas para quem agendou a vacinação pela internet.

Publicidade. Continue lendo sua matéria ao descer mais a página

“É importante que eles obedeçam o horário agendado. Não tem problema em atrasar um pouquinho. A sugestão é não chegar tão cedo para evitar aglomerações”, explica Elizeth.

Mesmo com grande parte dos idosos comparecendo nas primeiras horas da manhã, a Prefeitura manteve as medidas e os protocolos de saúde para evitar a concentração de pessoas. Acompanhada pelo filho, Claudete Azevedo, de 77 anos, chegou dentro do horário ao local de vacinação.

“Muito organizado antes da abertura dos portões. Você não vê tumulto. Estou encantada com a organização e atenção que eles prestam a nós”, afirma a idosa.

Ainda na fila de espera encontramos histórias de superação e vitórias contra o vírus. Osvaldo Marinho, de 75 anos, por exemplo, foi acompanhado pela vizinha ao local de vacinação. Sem parentes próximos, ele contou com a amiga no momento mais delicado da sua saúde.

Osvaldo, 75 anos, curado da Covid tomou a primeira dose“Peguei o vírus e passei dois meses no hospital me recuperando. Agradeço à Prefeitura e espero, agora com a vacina, nunca mais ver essa doença. Desejo ter minha saúde e que meus amigos e vizinhos que cuidaram de mim tomem a vacina também”, afirma Osvaldo.

FAIXA ETÁRIA

A vacinação contra a Covid-19 em Porto Velho agora está com foco nos idosos com idades a partir de 75 anos. Ainda há vagas para os dias 25 e 26 de março e o agendamento deve ser feito pelo link https://imuniza.portovelho.ro.gov.br/agendamentovacina.

A aplicação das doses segue até a próxima sexta-feira (26) no Centro Universitário São Lucas – Campus II, localizado na Rua João Goulart, n. 666, bairro Mato Grosso. O horário é das 9h às 17h e os idosos cadastrados devem ir munidos com documento de identificação, cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e um comprovante de residência.

Vale lembrar que mesmo com a vacinação, é essencial continuar cumprindo todos os protocolos de segurança como o uso da máscara, a higienização das mãos e manter distanciamento social.

 

Fonte: Prefeitura Porto Velho

Publicidade. Continue lendo sua matéria ao descer mais a página

Faça um comentário

Notícias relacionadas

Capital

A Caixa Econômica Federal depositará o dinheiro na conta corrente informada pelo trabalhador ou na conta poupança digital, usada para pagar o auxílio emergencial,...

Destaques

O Brasil bateu mais uma triste marca na pandemia nesta terça-feira (23), registrando mais de 3 mil mortes por Covid em um dia pela primeira...

Brasil

A Associação Médica Brasileira (AMB) divulgou um boletim nesta terça-feira (23) na qual condena, entre outros pontos, o uso de remédios sem eficácia contra...

Mundo

O Canal de Suez, no Egito, é uma das principais travessias marítimas do mundo para o transporte de mercadorias e matérias-primas. Desde terça-feira, a passagem...

Publicidade
× Quero anunciar!