--:--
--:--
  • cover
    Rádio Porto Velho
  • cover
    Rádio Presidente Médici
  • cover
    Rádio Ariquemes
  • cover
    Rádio Pimenta Bueno
  • cover
    Rádio Cacoal
  • cover
    Rádio Ouro Preto
  • cover
    Rádio Rolim de Moura
  • cover
    Rádio Guajará-Mirim
#Agronegócio #Capital #Economia #Rondônia

Agroindústrias de Porto Velho são destaque na 10ª edição da RRShow Internacional

Lado a lado com produtos de diversas partes do estado e até do país, a agroindústria de Porto Velho chegou forte para a 10ª edição da Rondônia Rural Show. No pavilhão “Espaço Empresarial Internacional”, os visitantes têm a oportunidade de conhecer diversos produtos feitos à base de frutos regionais.

A empresa da Rosana Moraes, por exemplo, é uma das representantes da capital pelo segundo ano seguido. A estratégia da Floresta Delícias da Amazônia é conquistar o público pelo sabor único dos seus produtos.

Rosane diz com orgulho que seus produtos são genuinamente porto-velhensesRosane diz com orgulho que seus produtos são genuinamente porto-velhenses

“Esse já é o meu segundo ano seguido aqui e tenho muito orgulho em dizer que meu produto é de Porto Velho. Num momento em que o país e o mundo querem saber mais sobre a Amazônia eu trago o que a gente tem de melhor que são nossas frutas típicas. Os bombons feitos a base de cupuaçu e castanha estão fazendo sucesso”, afirma a expositora.

Em outro ponto do pavilhão o município também marca presença com outra empresa com a mesma pegada, a Sabor Beradeiro. Uma agroindústria da capital que converte os sabores únicos de frutas amazônicas em forma de sorvetes.

“O nosso produto é natural, orgânico e diretamente de Porto Velho. Tudo vem de lá, o cupuaçu, a castanha, o açaí, a graviola. Muitas pessoas de fora que visitam este pavilhão ainda não conheciam o nosso produto e, por isso, ficamos felizes em expor o que temos de melhor”, afirma Carol Struthos, representante da Sabor Beraideiro.

Carol fica feliz em apresentar o produto pela primeira vez aos que não conheciamCarol fica feliz em apresentar o produto pela primeira vez aos que não conheciam

Na prática, as agroindústrias são um segmento com reação em cadeia, gerando emprego e renda desde o campo, com a colheita da matéria prima na natureza, até o beneficiamento na indústria e na comercialização nos grandes centros.

O apoio às agroindústrias faz parte do leque de ações de incentivos da Prefeitura para o setor. A estratégia aqui é levar o município a outro patamar, não somente na exportação de produtos in natura, mas agregar valor ao que sai do município.

“Fiquei muito feliz em ver a agroindústria da capital fazendo bonito nesta edição da Rondônia Rural. São homens e mulheres que enxergam nos produtos regionais uma possibilidade de gerar emprego e renda, o que motiva ainda mais a Prefeitura a continuar a investir nesse setor”, afirmou o prefeito Hildon Chaves.

Lado a lado com produtos de diversas partes do estado e até do país, a agroindústria de Porto Velho chegou forte para a 10ª edição da Rondônia Rural Show. No pavilhão “Espaço Empresarial Internacional”, os visitantes têm a oportunidade de conhecer diversos produtos feitos à base de frutos regionais.

A empresa da Rosana Moraes, por exemplo, é uma das representantes da capital pelo segundo ano seguido. A estratégia da Floresta Delícias da Amazônia é conquistar o público pelo sabor único dos seus produtos.

Rosane diz com orgulho que seus produtos são genuinamente porto-velhensesRosane diz com orgulho que seus produtos são genuinamente porto-velhenses

“Esse já é o meu segundo ano seguido aqui e tenho muito orgulho em dizer que meu produto é de Porto Velho. Num momento em que o país e o mundo querem saber mais sobre a Amazônia eu trago o que a gente tem de melhor que são nossas frutas típicas. Os bombons feitos a base de cupuaçu e castanha estão fazendo sucesso”, afirma a expositora.

Em outro ponto do pavilhão o município também marca presença com outra empresa com a mesma pegada, a Sabor Beradeiro. Uma agroindústria da capital que converte os sabores únicos de frutas amazônicas em forma de sorvetes.

“O nosso produto é natural, orgânico e diretamente de Porto Velho. Tudo vem de lá, o cupuaçu, a castanha, o açaí, a graviola. Muitas pessoas de fora que visitam este pavilhão ainda não conheciam o nosso produto e, por isso, ficamos felizes em expor o que temos de melhor”, afirma Carol Struthos, representante da Sabor Beraideiro.

Carol fica feliz em apresentar o produto pela primeira vez aos que não conheciamCarol fica feliz em apresentar o produto pela primeira vez aos que não conheciam

Na prática, as agroindústrias são um segmento com reação em cadeia, gerando emprego e renda desde o campo, com a colheita da matéria prima na natureza, até o beneficiamento na indústria e na comercialização nos grandes centros.

O apoio às agroindústrias faz parte do leque de ações de incentivos da Prefeitura para o setor. A estratégia aqui é levar o município a outro patamar, não somente na exportação de produtos in natura, mas agregar valor ao que sai do município.

“Fiquei muito feliz em ver a agroindústria da capital fazendo bonito nesta edição da Rondônia Rural. São homens e mulheres que enxergam nos produtos regionais uma possibilidade de gerar emprego e renda, o que motiva ainda mais a Prefeitura a continuar a investir nesse setor”, afirmou o prefeito Hildon Chaves.

Lado a lado com produtos de diversas partes do estado e até do país, a agroindústria de Porto Velho chegou forte para a 10ª edição da Rondônia Rural Show. No pavilhão “Espaço Empresarial Internacional”, os visitantes têm a oportunidade de conhecer diversos produtos feitos à base de frutos regionais.

A empresa da Rosana Moraes, por exemplo, é uma das representantes da capital pelo segundo ano seguido. A estratégia da Floresta Delícias da Amazônia é conquistar o público pelo sabor único dos seus produtos.

Rosane diz com orgulho que seus produtos são genuinamente porto-velhenses

“Esse já é o meu segundo ano seguido aqui e tenho muito orgulho em dizer que meu produto é de Porto Velho. Num momento em que o país e o mundo querem saber mais sobre a Amazônia eu trago o que a gente tem de melhor que são nossas frutas típicas. Os bombons feitos a base de cupuaçu e castanha estão fazendo sucesso”, afirma a expositora.

Em outro ponto do pavilhão o município também marca presença com outra empresa com a mesma pegada, a Sabor Beradeiro. Uma agroindústria da capital que converte os sabores únicos de frutas amazônicas em forma de sorvetes.

“O nosso produto é natural, orgânico e diretamente de Porto Velho. Tudo vem de lá, o cupuaçu, a castanha, o açaí, a graviola. Muitas pessoas de fora que visitam este pavilhão ainda não conheciam o nosso produto e, por isso, ficamos felizes em expor o que temos de melhor”, afirma Carol Struthos, representante da Sabor Beraideiro.

Carol fica feliz em apresentar o produto pela primeira vez aos que não conheciam

Na prática, as agroindústrias são um segmento com reação em cadeia, gerando emprego e renda desde o campo, com a colheita da matéria prima na natureza, até o beneficiamento na indústria e na comercialização nos grandes centros.

O apoio às agroindústrias faz parte do leque de ações de incentivos da Prefeitura para o setor. A estratégia aqui é levar o município a outro patamar, não somente na exportação de produtos in natura, mas agregar valor ao que sai do município.

“Fiquei muito feliz em ver a agroindústria da capital fazendo bonito nesta edição da Rondônia Rural. São homens e mulheres que enxergam nos produtos regionais uma possibilidade de gerar emprego e renda, o que motiva ainda mais a Prefeitura a continuar a investir nesse setor”, afirmou o prefeito Hildon Chaves.

Faça um comentário
× Quero anunciar!